sábado, 28 de junho de 2014

O AMOR

: ”O Amor  
O amor, quando se revela, 
Não se sabe revelar. 
Sabe bem olhar p'ra ela, 
Mas não lhe sabe falar. 
Quem quer dizer o que sente Não sabe o que há de dizer.
Fala: parece que mente Cala: 
parece esquecer Ah, mas se ela adivinhasse,
Se pudesse ouvir o olhar, 
E se um olhar lhe bastasse Pr'a saber que a estão a amar! 
Mas quem sente muito, cala; 
Quem quer dizer quanto sente 
Fica sem alma nem fala, 
Fica só, inteiramente! 
Mas se isto puder contar-lhe 
O que não lhe ouso contar, 
Já não terei que falar-lhe 
Porque lhe estou a falar..”

sábado, 10 de maio de 2014

SER MÃE É.....

. , SER MÃE É.....


sempre estar cansada,
de nunca ficar parada

de ter sempre o que fazer.
É engolir quase inteiro,
não demorar no banheiro
e se aprontar sem se ver.
É acordar de madrugada,
e não dormir quase nada
se um filho adoecer...
De novo ler historinhas
os contos da carochinha,
para o filho adormecer...
É interromper a novela,
quando está no melhor dela,
para o filho atender.
É inventar pratos "mil",
se um filho com fastio,
inventar de não comer.
É estudar outra vez
Todo o curso que já fez,
Para o filho aprender.
Outra vez brincar de "roda",
e estar por dentro da moda
quando a filhinha crescer.
É ouvir músicas "chatas"
e esquecer as serenatas,
que só lhe davam prazer.
É curtir uma quadrilha
Quando então é sua filha
quem vai dançar pra valer.
Ser mãe é virar uma semente
Pra viver novamente
Quando um filhinho nascer


 Redação Instituto Você

segunda-feira, 17 de março de 2014

quinta-feira, 10 de outubro de 2013

OCASIÕES

Há ocasiões em nossa vida que a noite parece interminável... É assim quando todas as esperanças parecem ter ido procurar refúgio em algum lugar, menos no nosso coração. Não somamos nossas alegrias como somamos nossos problemas. Quando passamos por um caminho difícil, fazemos uma revisão do que vivemos e temos vivido e somamos as dores, que parecem crescer a cada lembrança.

Se, inversamente, fizéssemos o mesmo com nossos momentos de alegria, encontraríamos razões a mais para viver e forças suplementares para sobreviver aos impasses da vida.

Por mais longa que seja a noite, por mais lento que tenha sido o relógio e por mais dolorido que tenha estado nosso coração, Pouco importa se no dia seguinte ele estará ainda encoberto por nuvens, ele não estará encoberto eternamente.

A certeza de que algo de bom e bonito existe nos faz guardar ainda acesa a chama dentro do coração.

Se o sol vai e volta, a lua some e reaparece, as marés baixam e sobem, não há razões para que na vida não demos a volta por cima. A natureza é a prova viva de que
tudo está em movimento sempre e nós fazemos parte dessa paisagem idealizada e plantada por Deus.

Tudo é passageiro, as alegrias veem e vão, mas o sofrimento também, até mesmo aquele que se instala no mais profundo do nosso ser, ele também se acalma e deixa um lugarzinho aberto para a doçura de viver.

Não podemos desistir de ser felizes enquanto o sol não desistir de renascer.

quinta-feira, 5 de setembro de 2013

ANTES

Há muito tempo não sentia paz em meu coração, não "ME PERMITIA" chorar e voltar a ficar alegre. Aprendi que a vida nos prega peças porque estamos despreparados para ela, por maior que a minha dor tenha sido voltei a acreditar no amanhã. Quando caminhei de olhos vendados sentindo gotas de água, lavei meu coração e minha alma, pedi a Deus que ME PERMITISSE voltar a ser o que sempre fui, a dar o melhor de mim em tudo que fizer, não pelos outros apenas, mas por mim também. Antes dizia que DEUS nos impunha a cruz que podíamos carregar (não tinha certeza), por mais pesada que parecesse, hoje não digo, tenho "convicção" (palavra da filosofia do sucesso) de que a cruz que Ele nos impõe podemos carregar e ainda ajudar alguém a carregar a sua.

sexta-feira, 9 de agosto de 2013

PAI..............



Pai que aos olhos da criança é herói
Pai que aos olhos do jovem é vilão
Pai que aos olhos do adulto é um amigo
Pai que aos olhos do velho é saudade
Quando eu te via como herói
Não sabia quase nada da vida
Sentia-me seguro ao seu lado
Eu só queria ser seu filho
Quando eu te vi como vilão
Pensava que já sabia tudo sobre a vida
Não queria proteção
Eu só queria ser herói
Quando eu te vi como amigo
Pude me dar conta dos erros cometidos
Foi quando realmente te conheci
Que entendi o sentido da vida
Quando me dei conta de sua falta
A idade já havia me alcançado
Você já não era mais herói, nem vilão
Nem amigo e nem solidão

Você virou soma de tudo aquilo que foi
De tudo aquilo que eu pensei que fosse
A síntese da vida que hoje eu vivo
A minha definição da palavra PAI!

quarta-feira, 12 de junho de 2013

Uma citação


O amor não é de palavrinhas ridículas.
O amor é de grandes atitudes.
O amor é sobre aviões levando faixas sobre estádios.
Propostas em telões. Palavras gigantes escritas no céu.
O amor é ir mais além, mesmo que doa, deixando tudo para trás.
Amor é encontrar uma coragem dentro de si mesmo que você nem sabia que tinha.
O amor é uma coisa feia e terrível praticado por todos. Ele vai partir seu coração e deixar você sangrando no chão, e o que você ganha no final? Nada além de lembranças incríveis que você não consegue se livrar.A verdade é que haverão outros amores quer dizer, assim eu espero, mas eu nunca terei um primeiro amor novamente, pois esse primeiro amor será sempre você.



Fonte: Filme ABC do amor